equipamentos-de-protecao-individual
Equipamentos de proteção individual: faça a escolha certa

O uso dos equipamentos de proteção individual (EPIs) é essencial, seja no trabalho ou mesmo em pequenos reparos em casa. Eles podem evitar sérios acidentes, se tornando indispensáveis no dia a dia. 

Para que isso aconteça, é fundamental escolher os tipos de EPIs corretos para cada atividade que você exerce, garantindo a proteção ideal em todas as situações. 

Mas afinal, você sabe como fazer a escolha certa? Não? Então não se preocupe, pois estamos aqui hoje para te ajudar a não errar na hora de encontrar os equipamentos certos para se proteger. Confira.

Principais tipos de EPI

Antes de saber como escolher o seu equipamento, você precisa entender quando eles devem ser utilizados e saber quais são os tipos de EPI que podem ser encontrados.

O uso de EPIs deve ser feito para proteger a pessoa de possíveis riscos durante o manuseio de máquinas ou ferramentas. Aqui no Brasil o uso de equipamento de proteção individual está previsto na Norma Regulamentadora Nº 6 da Portaria GM n.º 3.214, de 08 de junho de 1978 06/07/78;

Os principais tipos de EPI podem ser categorizados como:

  • Equipamento de proteção respiratória
  • Equipamento de proteção da cabeça
  • Equipamento de proteção de mãos e braços
  • Equipamento de proteção facial ou ocular
  • Equipamento de proteção para perna e pés
  • Equipamento de proteção contra quedas
  • Equipamento de proteção do tronco

Dentro dessas categorias existem equipamentos de proteção individual específicos. Selecionamos alguns modelos que podem ser úteis para você. Confira a seguir.

equipamentos-de-protecao-individual-nr6

Protetor auricular

Os protetores auriculares são indispensáveis para trabalhadores que ficam expostos a ruídos de alta intensidade. O protetor de ouvido procura preservar a audição do trabalhador, que pode ser prejudicada por ruídos intensos, provocando a perda de audição de forma gradativa.

O protetor auricular pode ser encontrado em dois principais tipos:

Luva Nitrílica

As luvas de segurança são itens obrigatórios em algumas ocasiões, como na hora de manipular produtos que oferecem riscos à pele como produtos químicos e até mesmo manutenção de circuitos elétricos.

As luvas nitrílicas costumam ser mais resistentes e menos elásticas quando comparadas as tradicionais luvas de látex. Algumas pessoas também são alérgicas ao látex, por isso, as luvas nitrílicas são uma ótima opção entre os equipamentos de proteção individual.

Cinto de segurança paraquedista

O cinto de segurança é fundamental para trabalhos em altura. Ele deve ser utilizado quando o trabalhador for realizar qualquer atividade a mais de 2 metros de altura do piso e que apresente risco de queda. Este equipamento garante o encaixe certo para fixação e o produto é bastante utilizado na indústria e no setor de construção civil.

Óculos de proteção

Os óculos de proteção podem ser utilizados quando o risco é o impacto na região dos olhos ou até mesmo a luminosidade. Eles são utilizados na indústria, na construção civil, ou mesmo em casa, protegendo os olhos de fragmentos como madeira, ferro, faíscas e até mesmo respingos ácidos.

Bota de segurança para trabalho

As botas de segurança são feitas para garantir a segurança do profissional durante o manuseio de equipamentos, máquinas ou em obras. Elas oferecem conforto e segurança, servindo também para a proteção contra danos causados por impactos de materiais ou possíveis choques.

Como escolher os equipamentos de proteção individual certos

Antes de sair por aí comprando seus mais novos equipamentos de proteção individual, é preciso saber identificar quais são os utensílios ideais para o seu uso e as suas necessidades.

Não sabe como escolher os equipamentos de proteção individual? Selecionamos algumas dicas que vão te ajudar nessa missão, para que você não invista em algo desnecessário ou acabe ficando desprotegido. Confira.

equipamentos-de-protecao-individual-epi

Identifique os riscos das ferramentas

Antes de colocar a mão na massa e começar a trabalhar, pense nas ferramentas que você vai utilizar e os riscos que elas podem oferecer para você. Procure analisar os aspectos indicados pela NR6 (Norma Regulamentadora 6):

  • Proteção da cabeça
  • Proteção dos olhos e da face
  • Proteção auditiva
  • Proteção respiratória
  • Proteção do tronco
  • Proteção dos membros inferiores
  • Proteção dos membros superiores
  • Proteção do corpo inteiro
  • Proteção contra quedas com diferença de nível

Avalie quais áreas necessitam de proteção e procure pelos equipamentos de proteção individual indicados para cada região.

Identifique os riscos do ambiente

Não é só a ferramenta que pode oferecer riscos. O ambiente também é responsável por muitos acidentes durante o trabalho, e por isso é preciso estar atento às condições que ele oferece.

Um exemplo comum é durante trabalhos como construção civil, que exigem que você fique condicionado à alturas superiores a 2 metros. O ambiente pode proporcionar um risco, além das ferramentas.

Avalie a qualidade dos equipamentos

A qualidade dos equipamentos de proteção individual também conta muito na hora de escolher o modelo correto. Busque sempre utensílios de marcas renomadas, resistentes e duráveis, afinal com segurança não se brinca.

Preparado para ir em busca dos seus equipamentos de proteção individual? Então não deixe de conferir os EPIs disponíveis no nosso e-commerce e escolher os seus novos companheiros de trabalho. Até mais!


SOBRE O AUTOR
admin
COMPARTILHAR:
Deixe seu comentário


Existem muitas ferramentas que nos ajudam tornar o trabalho mais produtivo e eficiente,...

O uso de EPIs é essencial quando falamos de determinadas ferramentas e equipamentos....

O que é EPI? Bem, como o título da nossa publicação sugere, EPI...
All search results