(41) 3275-5880
Sacola de Compras

* Calcule seu frete na página de finalização.

* Insira seu cupom de desconto na página de finalização.

22/09/2020

Conheça agora os principais tipos de furadeira

 

 

Conheça agora os principais tipos de furadeira

 

 

Com tantas ferramentas disponíveis no mercado fica difícil entender e conhecer todos os modelos. Hoje vamos mostrar alguns tipos de furadeira e suas funções, para você escolher da maneira correta e optar por aquela que vai atender melhor o seu projeto.

 

Tudo depende do material, do uso e do resultado que você pretende alcançar com a sua furadeira. Lembrando que, independentemente da finalidade e objetivo, é essencial contar com ferramentas de qualidade e saber como realizar a manutenção correta dos seus instrumentos.

 

Quer conhecer mais sobre os principais tipos de furadeira? Continue a leitura e aprenda mais sobre o assunto!

 

 

Tipos de furadeira

 

Veja abaixo qual a furadeira ideal para o trabalho que você quer desempenhar.

 

Furadeira caseira

 

É comum as pessoas terem furadeira caseira para trabalhos não profissionais. A força de avanço é feita pelo operador da furadeira, que pressiona a ferramenta contra o material. A rotação fica por conta da própria máquina.

 

Esse é um tipo que vem com as peças já montadas, ou seja, é uma furadeira pronta para a utilização. Normalmente é utilizada em casa ou em locais menores que não permitem a operação de uma furadeira maior.

 

 

Furadeira e parafusadeira

 

Do mesmo modo que a anterior, é um dos tipos de furadeira muito utilizada para uso domiciliar. Por seu tamanho reduzido, não necessita de grandes espaços para executar o trabalho e pode ser armazenada facilmente. 

 

Não é necessária muita experiência para sua utilização segura. Além disso, esse modelo se destaca pela praticidade dupla de furar e parafusar, que facilita muito o trabalho de pessoas que a utilizam em casa.

 

 

Furadeira sensitiva

 

Esse é um dos tipos de furadeira conhecido pelo uso em pequenas perfurações. Caracteriza-se pelo avanço suave do mandril, feito por uma manivela controlada pelo operador do instrumento. 

 

Sua dinâmica permite que o usuário consiga sentir o avanço da broca no material, oferecendo mais precisão e acabamento profissional

 

 

Furadeira de coluna

 

Essa ferramenta recebe esse nome por conta da presença de uma coluna de união entre o cabeçote e a base. Apesar do tamanho avantajado, esse instrumento permite a utilização de materiais dos mais diversos formatos, oferecendo, assim, um maior número de possibilidades para o operador.

 

A furadeira de coluna pode ser utilizada em série ou não. É indicada para profissionais que desempenham serviços diversos, principalmente para quem precisa de acabamento de qualidade e fácil manuseio.

 

 

Furadeira radial

 

Essa ferramenta é muito utilizada para realizar vários furos, pois possui um cabeçote móvel que permite o reposicionamento da broca sem a necessidade de mover a peça. Devido a essa vantagem, o uso dessa ferramenta acelera o processo de produção, auxiliando no trabalho do operador. 

 

É destinada para o uso em grandes peças e múltiplas perfurações, ou seja, ideal para quem trabalha com ferramentas e prestação de serviços das mais diversas categorias.

 

 

Furadeira múltipla de cabeçote único

 

Trata-se da aplicação de cabeçotes de vários mandris em tipos de furadeiras de coluna. Seu foco é trabalhar peças em série, que necessitam de perfurações em múltiplos pontos, tanto em um quanto em vários planos.

 

É indicada para uso profissional e pessoas que prestam serviços ou são proprietárias de grandes oficinas, como marcenaria, mecânica, carpintaria, funilaria, entre outros segmentos.

 

 

Furadeira múltipla de múltiplos cabeçotes

 

Nesses tipos de furadeiras, o ataque à peça perfurada é feito por mais de um cabeçote, excluindo a necessidade de reposicionar a peça toda vez que for preciso alterar o plano de perfuração. Auxilia no trabalho do operador pois é conhecida por poupar tempo, devido a quantidade de cabeçotes.

 

 

Furadeira de bancada

 

Conhecida também pelo seu tamanho reduzido, apesar de não se encaixar na categoria de furadeiras portáteis, permite a utilização em espaços não tão amplos. Nesses tipos de furadeiras o avanço da broca é feito de forma manual, necessitando do operador para realizar o trabalho. 

 

A furadeira de bancada consegue perfurar materiais mais rígidos do que as furadeiras portáteis, e como o próprio nome diz, é uma ferramenta que fica presa a uma bancada.

 

Gostou de conhecer melhor os tipos de furadeira? Quer saber mais sobre o assunto? Então aproveite e confira nosso artigo sobre como furar madeira de forma profissional e impecável!